Walter Gonçalves do Nascimento foi assassinado com golpes de machado nesta sexta-feira (24), em uma fazenda localizada na zona rural do município de Jacundá, sudeste do Pará. De acordo com a Polícia Civil, o homem teve sua motocicleta roubada após ser morto, o que caracteriza crime de latrocínio. O principal suspeito foi identificado como Gabriel Pereira Barros, de 26 anos, vaqueiro da fazenda. Ele está foragido.

Segundo a Polícia Civil, a equipe de plantão recebeu informações sobre um latrocínio que teria ocorrido na fazenda São João, localizada a 14 quilômetros da sede do município. Os policiais se deslocaram até o local e constataram a veracidade do fato, momento em que começaram a escutar informalmente os filhos da vítima e funcionários da fazenda.

Ainda segundo a polícia, todos os depoimentos afirmavam que quem havia ficado na fazenda com a vítima seria o vaqueiro Gabriel. Os policiais, então, iniciaram as diligências na residência do suspeito e conseguiram identificar seu nome completo e idade.

Quando a equipe de policiais retornou à delegacia, agentes do Departamento de Trânsito (Detran) estavam apresentando uma moto que seria da vítima e que o suspeito teria roubado. No local onde foi encontrada a moto, havia uma mochila pertencente a Gabriel.

De acordo com as investigações, o suspeito matou a vítima com golpes de machado. O objeto foi encontrado no local e apresentado na Delegacia de Polícia. O Instituto Médico Legal (IML) foi acionado para fazer a remoção do corpo e as perícias técnicas iniciais.

Quaisquer informações que possam ajudar na elucidação do crime ou localização do suspeito, podem e devem ser repassadas ao Disque-Denúncia (181) ou ao Centro Integrado de Operações (190). Não é necessário se identificar e a ligação é gratuita.

Fonte: ORM/João Paulo Jussara