Marcelo Sousa foi morto, a facadas, pelas costas
Assassino de “Marcelão”, Eduardo Abreu, está preso e deve ser transferido para o Crama ainda hoje

Atingido por vários golpes de faca, desferidos por Eduardo Abreu, 32 anos, durante uma briga, no bairro Cidade Nova, na madrugada de hoje (28), faleceu no Hospital Regional de Marabá, Sudeste do Pará, por volta de 5 horas da manhã, Marcelo Cândido de Sousa Silva, 35 anos, bastante conhecido no núcleo Cidade Nova por “Marcelão”. Ele era filho de uma das vendedoras de comidas típicas mais conhecidas da Feira Coberta da Laranjeiras, conhecida como “Socorrona”. A notícia foi divulgada pelo irmão da vítima, conhecido como Rildo. Segundo o Boletim de Ocorrência, o assassino não é de Marabá, estava a trabalho na cidade. A faca utilizada no crime não foi encontradaSegundo informações do irmão da vítima, Marcelo teria se desentendido com Eduardo Abreu, no Bar Las Vegas, como era alto e forte,  ele teria se saído melhor na “troca de socos”. Em uma distração da vítima, ao se sentar em uma cadeira, o elemento desferiu várias facadas em Marcelo, “pelas costas”, na Avenida Transamazônica, próximo à esquina da Rua Pedro Carneiro, atrás de um antigo posto de combustível que se localiza em frente ao Corpo de Bombeiros. De acordo com Rildo, o assassino de Marcelo se encontra preso na 21ª Seccional de Polícia Civil de Marabá. 
Observação: Notícia atualizada às 10h20 de 28/8/2018.